Bolsonaro retorna ao Brasil nesta semana; PL pede segurança no desembarque

Astolf Gerard Filho
Astolf Gerard Filho

O presidente do PL, Valdemar Costa Neto, enviou ofício ao Governo do Distrito Federal (GDF) e ao Ministério da Justiça pedindo apoio na segurança para a chegada do ex-presidente Jair Bolsonaro ao Brasil. Após uma temporada de três meses nos Estados Unidos, a equipe do ex-chefe do Planalto confirmou que ele retorna ao país na próxima quinta-feira (30/3). Nesta terça-feira (28), os órgãos responsáveis já se reúnem para a elaboração de um plano de atuação.

A ação do governo deve se limitar apenas à chegada de Bolsonaro, que deve desembarcar no Aeroporto Internacional de Brasília por volta das 7h15 de quinta. O ex-presidente está nos EUA desde dezembro do ano passado, após sair derrotado das eleições que definiram vitória ao presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT).

No Brasil, Bolsonaro deve cumprir uma agenda institucional como presidente de honra do PL. Ele também deve se consultar com o médico-cirurgião Antônio Luiz de Vasconcellos Macedo para um procedimento de correção de hérnia e obstruções intestinais por conta do episódio da facada, durante a campanha para a Presidência da República de 2018, em Juiz de Fora, Minas Gerais.

Em solo norte-americano, Bolsonaro participou de eventos e questionou publicamente o resultado das eleições presidenciais do Brasil, além de defender bandeiras conservadoras como, por exemplo, flexibilização do armamento e “família tradicional”, bem como teceu críticas ao Judiciário brasileiro. Ele deve manter o mesmo tom no Brasil para inflamar as alas bolsonaristas e tentar gerar impacto nas eleições municipais de 2024.

Share This Article
Leave a comment

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *